Segundo semestre de 2019 começando de olho nas tendências

Segundo semestre de 2019 começando de olho nas tendências

Segundo semestre de 2019 começando de olho nas tendências

Hoje é segunda-feira e estamos começando uma nova semana de trabalho, a 27ª semana do ano, o 3º trimestre e também o 2º semestre deste ano de 2019!

Aproveitando esse clima novo ciclo, queremos dar algumas dicas de leitura para você que precisa saber como está o mercado e como o consumidor anda fazendo suas escolhas. Vamos lá?

Primeiro, falando em Comportamento do consumidor, sua forma de escolher, temos falado sobre o Consumerismo em vídeos, palestras, treinamentos. Essa tendência de fazer escolhas conscientes de consumo vai se mostrando real e forte de diversas formas. Veja um exemplo nesta matéria sobre Alimentação Plant Based. O texto da Mercado & Consumo mostra, entre outros dados, que no Brasil 63% dos consumidores querem reduzir a ingestão de carne e 27% já estão reduzindo. Outro dado muito relevante indica que o aumento de vegetarianos no Brasil nos últimos 6 anos foi de 75%. E ainda vemos restaurantes,  lanchonetes e cafeterias que não ofertam opções para este público que cresce dia após dia.

Outra matéria interessante que detectamos analisa a disputa do e-commerce com os Shoppings no Brasil. A matéria disponível no portal Money Times traz dados muito interessantes comparando o cenário dos shoppings no Brasil e nos EUA. Enquanto a indústria de shoppings americana totaliza mais de 47mil centros comerciais, o Brasil conta com apenas 568. E se você se questionou sobre as proporções desta comparação, a matéria apresenta mais alguns dados para tirar as dúvidas. Conhece o termo ABL, ou área bruta locável? Este indicador mostra o total área existente para locação nos shoppings. Quando somamos a ABL de todos os shoppings brasileiros e dividimos esta área total pela quantidade de habitantes, chegamos ao valor de 8cm² por brasileiro. Já nos EUA são 1,2m² por habitante. Estes números mostram que o e-commerce não é o único responsável pelo sofrimento dos shopping em terras norte americanas. Vale a leitura para captar muitas outras informações relevantes.

E se as lojas físicas ainda devem permanecer relevantes como discute essa matéria, vamos fechar nossas dicas com outro tema que temos gostado muito de debater: a Jornada e as Experiências do Cliente.(veja mais aqui) Uma tendência bastante atual é a criação de espaços instagramáveis nas lojas. Se você não sabe o que é isso, o nome já explica muita coisa. São áreas, dentro das lojas físicas, preparados para que os clientes produzam fotos bonitas e interessantes que ele vai querer compartilhar no Instagram (e em suas outras redes sociais... Por que não?). A novidade gera conteúdo de qualidade para as redes sociais do  consumidor ao mesmo tempo em que insere a marca neste conteúdo de forma bastante natural e como resultado acaba gerando mídia espontânea para a marca. Essa dica está em formato de vídeo na apresentação do Funcast Iguatemi Campinas, evento que está acontecendo neste momento. Assista e aproveite para pensar e repensar sua Estratégia de Comunicação!